+

Esta é uma formação imersiva com a duração de 16, 20 ou 24 horas-aula. Traz informações amplas e é voltada para pessoas que atuam na área cultural e desejam qualificar seus projetos, programas e produções. Atualiza os participantes para as principais demandas da área e sugere práticas para dinamizar a produção e o posicionamento das iniciativas (projetos, movimentos, programas e ideias) dos agentes culturais participantes. 

Projetos, Gestão e Acessibilidade

Formação em Produção Cultural 

Amplia as possibilidades da gestão local na captação de recursos por meio de uma estratégia conectada às principais fontes nacionais e internacionais de financiamento de projetos e fundos. Considera a articulação política da base aliada junto à iniciativa privada, estruturas públicas e emendas parlamentares.

+

Captação de Recursos 

Estratégias para a criação da Rede de Influência e elaboração de projetos

+

Aborda a situação da acessibilidade cultural no Brasil e em Santa Catarina. Instrui a equipe local para a atenção aos direitos da pessoa com deficiência e inclusão dos recursos de acessibilidade nas promoções locais (atendimento qualificado, audiodescrição, Libras, Closed Caption, LSE e outros), além de abordar a divulgação acessível e apresentar metodologias para a formação de plateia e para a gestão lidar com o tema acessibilidade.

Acessibilidade Cultural

da concepção à execução

Aborda os aspectos econômicos da cultura e tem como objetivo apoiar as gestões municipais no aumento dos recursos locais para a área. É desenvolvida para a gestão local, Contabilidade, Administração e Desenvolvimento Econômico e traz reflexões e cases de como a cultura pode ativar os outros 68 setores da economia. 

+

Cultura e Economia

quem entende de estratégia investe

+

Traz informações e formas de organização do trabalho para dinamizar as gestões locais, contribuindo com a ampliação da qualidade das ações, acompanhamento das demandas e prazos, cultura de planejamento e otimização do tempo das equipes.

gestão de trabalhos para equipes e otimização de tempo

Ferramentas Administrativas 

Capacita equipes técnicas para a produção de eventos, considerando: planejamento inicial, gestão de comissões, cronogramas de trabalhos, processos licitatórios, processos de inexigibilidade e como garantir os prazos, considerando as agendas e tramitações próprias do serviço público.

+

Produção de Eventos no Poder Público

legislação, planejamento, cronograma e prestação de contas

+

Esta capacitação é voltada às equipes de governo (gestão cultural, secretaria da Fazenda, Assistência Social, Desenvolvimento Econômico, gabinetes de prefeitos, vereadores e outros). O objetivo é demonstrar indicadores que reforçam a importância da área cultural na sociedade e sua contribuição para a melhoria da qualidade de vida e de diversos cenários sociais - transversalidade da cultura.

Cultura Articulada

a imprescindibilidade da cultura para as outras pastas do governo

Esta formação demonstra o cuidado que deve-se ter nas políticas de difusão e fruição cultural. Entendendo a cultura em seu aspecto amplo, a formação tem como foco demonstrar que o “como se faz” é superlativo quando o objetivo é atender o direito de acesso e de produção à cultura e como o empoderamento cultural pode contribuir para mudar a realidade de territórios. A afirmação das diferenças e o cuidado para a não homogeneização do que é reconhecido como “arte e cultura” permeiam esta formação.

+

O palco da cultura é a cidade

reconhecendo e valorizando as manifestações culturais em cada território